Sobre Brindes e Brindes

05/12/2022

O IES reforça que não são permitidos brindes e presentes de fim de ano, aos parceiros de negócios.

Brindemos a uma Saúde melhor, mas que os brindes sejam uma bela e merecida celebração conceitual da vida e, nunca, um objeto físico presenteado, com intuito de criar uma vantagem competitiva desleal.

 


Mais um ano se encerra, e nossos trabalhos de combate à corrupção continuam fortemente estabelecidos.
 
Você faz parte de tudo isso!
 
Portanto, após tantos desafios, em que a integridade do setor saúde é constantemente testada, precisamos manter nossos objetivos, inclusive na observância de mínimos detalhes, aqueles que parecem não ferir nossos compromissos, mas podem ser a porta de entrada para vários tipos de práticas, também corruptivas.
 
Assim, o Instituto Ética Saúde reforça que não são permitidos brindes e presentes de fim de ano, aos parceiros de negócios.
 
Brindemos a uma Saúde melhor, mas que os brindes sejam uma bela e merecida celebração conceitual da vida e, nunca, um objeto físico presenteado, com intuito de criar uma vantagem competitiva desleal.
 
Lembramos, também, da importância de as empresas associadas a inserirem, em seus Programas de Integridade, regras e/ou normativas internas que incluam políticas de brindes e presentes.
 
Para mais orientações, consulte:
 
 
 

Galeria de Fotos